top of page

Bebiano na Secretaria-Geral. Filho do presidente na Secom?


Gustavo Bebianno, um dos principais articuladores da campanha do presidente eleito Jair Bolsonaro e ex-presidente do PSL, comandará a Secretaria-Geral da Presidência da República no próximo governo. Ele vai substituir Ronaldo Fonseca, nomeado por Michel Temer e no cargo desde maio. A informação foi anunciada pelo futuro chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.


Bebianno atuará no Palácio do Planalto muito próximo a Bolsonaro: "É uma honra receber mais essa responsabilidade. Nosso interesse é contribuir para que o pagador de impostos seja bem atendido".


Bebianno afirmou que serão mantidas as Secretarias Especiais de Comunicação (Secom) e de Programa de Parcerias de Investimentos (SPPI). A Secretaria da Aquicultura e Pesca, atualmente dentro da pasta, deve passar para o Ministério da Agricultura.


Sobre possíveis nomes para comandar a Secom, Bebianno disse que um dos filhos do presidente eleito, o vereador Carlos Bolsonaro (RJ), é "estudado" para assumir a função. Bebianno disse que ainda não há definição sobre qual será o destino da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Mas o presidente eleito Jair Bolsonaro já disse que é a favor de sua extinção – ou de pelo menos boa parte dela.

Posts recentes

Ver tudo

Bolsonaro na ONU, monte de mentiras e exageros

O discurso do presidente Jair Bolsonaro na abertura da Assembleia-Geral das Nações Unidas teve repercussão negativa no exterior e entre observadores da política externa brasileira e parlamentares. Pa

Pacheco devolve MP que liberava as fake news

Em nova derrota do presidente Jair Bolsonaro, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), devolveu a medida provisória que alterava o Marco Civil da Internet e dificultava a remoção de conteúdo

Fux: ameaça de Bolsonaro é atentado à democracia

Um dia após o presidente Jair Bolsonaro participar de atos antidemocráticos e ameaçar “descumprir” decisões do Supremo Tribunal Federal, o presidente da Corte, Luiz Fux, afirmou nesta quarta-feira que

Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page