Possíveis aliados do governo aguardam indicações


A nova postura adotada pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), na articulação política para o novo governo tem provocado incertezas entre os deputados a respeito da constituição da nova base aliada no Legislativo, informa o Valor Econômico. A intenção de Bolsonaro é montar sua base no Congresso com indicações diretas dos parlamentares, sem passar pelos partidos.


Alguns líderes partidários têm se sentido desprestigiados, mas a maioria dos partidos diz que vai apoiar os cem primeiros dias do governo Bolsonaro. Conforme apontado pelo Valor, parlamentares do DEM e do PSD disseram que este será um período de avaliação, sobre como serão tratados os indicados políticos dos reeleitos.


O futuro ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), disse que os cargos federais nos Estados continuarão a ser escolhidos por deputados e senadores da base.


Posts recentes

Ver tudo

Fake news como prova contra urna eletrônica

As provas de fraude nas urnas eletrônicas que o presidente Jair Bolsonaro prometeu apresentar nesta quinta-feira, 29, foram uma mistura de fake news, vídeos descontextualizados que circulam há anos na

Centrão na Casa Civil, Onyx vai para o Trabalho

Numa tentativa de fortalecer sua base de sustentação política, o presidente Jair Bolsonaro fará mudanças no ministério, informa O Estado de S. Paulo. A principal novidade é a nomeação, para a Casa Civ