Eunício pauta reajuste para o STF. Bolsonaro reclama


O presidente do Senado, Eunício Oliveira, colocou em pauta, de surpresa, os polêmicos projetos de lei que aumentam o salário dos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) de R$ 33 mil para R$ 39 mil, mesmo valor que seria estabelecido para o cargo de procurador-geral da República. Os projetos podem ser votados ainda hoje.


Os reajustes levariam a um aumento em cascata para juízes, procuradores, promotores e parlamentares de todo o país, no que seria a primeira pauta-bomba armada para o governo de Jair Bolsonaro, segundo o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES):


"Não se trata de um busca-pé. É um míssil Exocet. O impacto nas contas públicas nacionais será de cerca de R$ 6 bilhões por ano. É uma covardia com o povo brasileiro".


O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), comentou na manhã desta quarta-feira que um eventual reajuste do salário dos ministros do STF é preocupante: "Estamos em uma fase em que todo mundo tem ou ninguém tem. Nós sabemos que o Judiciário é o mais bem aquinhoado entre os Poderes. A gente vê com preocupação”.

Cadastre-se para receber as análises por e-mail

© 2023 by Talking Business.  Proudly created with Wix.com