Doria condenado pelo cidade linda


O candidato ao governo de São Paulo pelo PSDB, João Doria Junior, foi condenado pela juíza Carolina Martins Cardoso, da 11ª Vara da Fazenda Pública, à suspensão dos direitos políticos por quatro anos. A sentença foi publicada no site do Tribunal de Justiça de São Paulo nesta sexta-feira.


Como cabe recurso, João Doria pode continuar sua campanha. Ele foi denunciado pelo promotor Wilson Tafner por improbidade administrativa por ter usado o símbolo “SP Cidade Linda” em ações da Prefeitura.


A juíza determina devolução integral dos prejuízos causados ao erário municipal, “consistentes nos valores gastos com campanhas, veiculações publicitárias e confecção de vestuário e materiais diversos com o slogan", além do pagamento de multa civil correspondente a cinquenta vezes o valor da sua remuneração à época dos fatos e "pagamento de multa punitiva equivalente a dez salários mínimos pela prática de ato atentatório à dignidade da justiça".


Posts recentes

Ver tudo

PIB surpreende e cresce1,2% no 1º trimestre

A economia brasileira começou 2021 em crescimento, confirmando a melhora de perspectivas para o ano como um todo e aumentando as chances de as perdas causadas pela covid-19 serem recuperadas até dezem

Rejeição a Bolsonaro volta ao recorde de 59%

Pesquisa PoderData, do portal Poder360, realizada nesta semana (24-26.mai.2021) mostra que a reprovação ao governo do presidente Jair Bolsonaro voltou a subir e igualou o recorde de 59%, uma alta de 5

Porandubas Políticas 717

Panorama Burrice ou estultice? Depois de comparecer duas vezes à CPI da Covid-19, o ex-ministro da Saúde, general da ativa Eduardo Pazuello, compareceu ao ato de domingo passado, um evento de motoquei