Congresso elege presidentes da Câmara e do Senado

Nesta sexta-feira (1°), depois da cerimônia de posse, deputados e senadores elegerão os futuros presidentes da Câmara e do Senado Federal.


Dos 81 senadores, 54 tomarão posse; desses, 46 não estavam no Senado no ano anterior. Depois da cerimônia, haverá uma reunião em que será eleito o novo presidente da Casa e os demais integrantes da Mesa (dois vice-presidentes, quatro secretários e quatro suplentes de secretários).


Para ser eleito, o candidato precisa receber no mínimo 41 votos. Caso contrário, será realizado um segundo turno entre os dois candidatos mais votados. As bancadas com o maior número de senadores eleitos têm direito a maior parte dos 11 cargos da Mesa.


Candidatos à presidência do Senado:


Renan Calheiros (MDB-AL)

Simone Tebet (MDB-MS)

Major Olímpio (PSL-SP)

Davi Alcolumbre (DEM-AP)

Alvaro Dias (Pode-PR)

Angelo Coronel (PSD-BA)

Esperidião Amin (PP-SC)

Tasso Jereissati (PSDB-CE)

Reguffe (sem partido-DF)


Câmara dos Deputados


Na Câmara, das 513 cadeiras disponíveis na Casa, 243 serão ocupadas por deputados "novos", de primeiro mandato, 251 foram reeleitos e 19 dos eleitos já foram deputados em legislaturas anteriores.


Também será definida a presidência da Câmara, pelos próximos dois anos, além dos cargos de vice-presidência, secretarias e suplentes.


Candidatos à presidência da Câmara:


Rodrigo Maia (DEM-RJ)

Fábio Ramalho (MDB-MG)

JHC (PSB-AL)

Marcelo Freixo (PSOL-RJ)

Marcel van Hattem (Novo-RS)

Ricardo Barros (PP-PR)

Cadastre-se para receber as análises por e-mail

© 2023 by Talking Business.  Proudly created with Wix.com